sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Antes de nascer Poeta

Antes de eu nascer,
Deus teve uma conversa séria comigo.
Perguntou o que eu sabia fazer.
E eu fiquei sem jeito,
sem graça...
não sei costurar,
bordar muito menos,
cozinhar só pra não morrer de fome,
na matemática nem tento,
pintar também não sei,
desenhar, ui! nem se fala...
Até que eu disse pra Ele
"Poesia eu sei!"
Ele me olhou meio torto,
assim de lado, de cara fechada.
"Poesia, menina?
Isso é coisa que vá se fazer?"
Mas logo veio um amigo
que disse que também sabia
usar os versos para escrever.
Deus achou meio esquisito,
dois amigos, assim, meio estranhos,
os dois se entendiam bem demais
e escreviam versos em qualquer hora.
No almoço, na janta,
na chegada e até na hora de ir embora.
Como nada a mais gente sabia fazer,
(e Deus já tinha perdido a paciência)
Mandou logo a gente "descer".
Aqui estamos, nós.
Eu e Guilherme, quase todos os dias
danadinhos a escrever.

Um comentário:

  1. Bárbaro!!!! Somos lindos!!! E poetas! Amei, ainda mais com o meu nome aí!!

    ResponderExcluir