quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Eu não sei se todo mundo se senti diferente dos outros, mas eu me sinto diferente o tempo todo. Parece que, ou eu estou cega ou todos estão cegos porque eu vejo "coisas", percebo coisas que outras pessoas não percebem. Momentos que pra mim são importantes pros outros são banais ...
Sei lá...
Eu gosto de andar devagar e olhar pro céu mesmo nublado, nem que seja pra imaginar as estrelas que estão por trás das nuvens. O tocar de mãos pra mim é tão importante! E as pessoas se tocam sem sentimento, tocam-se por tocar. Não é qualquer pessoa que eu gosto de tocar. Tem gente que eu evito ao máximo!
Quase todo mundo (não posso generalizar) sai por sair, simplesmente para aumentar a auto-estima, beijar sem sentir tanta vontade; beijar só porque é bom. Eu não quero assim. Eu quero beijar por amor, eu quero tocar quem eu amo, e não somente quem eu desejo.
Todo corpo bonito , negão, alto e sarado me faz sentir desejo, mas eu não quero sentir só desejo. O desejo tem que ser conseqüência do amor, do sentimento. Não o sentimento vir depois do amor. Pra mim não dááááááá!

Eu tô cansada de ver as pessoas ficarem por desejo, como se os sentimentos pudessem ser colocados numa caixinha ao lado, trancados por segurança. NÃO!

Eu quero amar um homem só, eu quero desejar esse homem até ficar velhinha, até quando ele tiver arteriosclerose e se esquecer de mim, eu quero amá-lo e o amarei até assim. Eu quero cuidar desse amor, dar carinho, conforto, sexo também? sexo também, mas não só isso. Eu quero dar ombro quando ele quiser chorar, ser a mão que faz carinho, ser o sentimento bom que faz gargalhar. Eu quero ser pra sempre na vida dele. Eu não quero ser uma lembrança já quase esquecida, eu quero ser fotografia viva, presente na estante. Eu quero preparar a comida pra ele, quero saborear a dele, quero dar colo, quero passear de mãos dadas na praia...
Eu não quero ser eterno enquanto dure, porque pode durar pouco. Eu quero a eternidade!
Eu não quero-o por uma noite... não basta pra mim.
Eu quero ficar velhinha do lado dele, rindo do passado, rindo do que esquecemos, vendo nossos filhos e netos ... planejando a próxima encarnação juntos. Por que uma vida só ao lado dele não é o bastante, eu quero estar com ele pra sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário